Os princípios e os principais eventos do Burning Man

   |        |     Atualizado em 14 de março de 2016

Para continuar com a série Burning Man, acho melhor falar um pouco mais sobre o que realmente é essa comunidade e o que ela representa. Para isso, apresento os princípios do evento e dois de seus símbolos: o Man e o Templo.

Os 10 princípios do Burning Man que regem todo o evento

  1. Inclusão radical: todos são bem-vindos, não importa a idade, a nacionalidade, o gênero, a religião etc.
  2. Presentes: presenteie os outros. Não precisa ser algo material, pode ser um abraço, um gole de água, um drink, um pedaço de pizza, uma toalha molhada no meio da tempestade de areia, um cigarro etc. Vi todos esses exemplos realmente acontecerem!
Presentear: um dos princípios do Burning Man

Presentear: um dos princípios do Burning Man. Foto: Vanessa Ikemori.

  1. De-comoditização: não existe dinheiro. Além do ingresso, a organização vende gelo (que, além das óbvias utilidades, basta derrete para ter o que beber se a sua água acabar) e café (aparentemente, tem algo a ver com a licença exigida para o evento). De resto, transações monetárias são proibidas.
  2. Autoconfiança: você é responsável por você mesmo. Descubra-se e experimente, mas sempre com cuidado, confiando nos seus instintos e respeitando o próximo.
  1. Autoexpressão: você está livre para ser você mesmo, do jeito que quiser, contanto que não faça mal a ninguém.
  2. Comunidade: um ajuda o outro, um cuida do outro, todos são responsáveis por todos.
  3. Cooperação: cooperação criativa e colaboração em um sentido amplo.
  4. Sem rastros: não deixe vestígios além de suas pegadas. Respeite a natureza e leve de volta tudo o que você levou ao festival.
Recycle Camp, uma das várias iniciativas para a redução do lixo na comunidade

Recycle Camp, uma das iniciativas para a redução do lixo na comunidade. Foto: Vanessa Ikemori.

  1. Participação: os participantes são os realizadores do evento, a organização apenas fornece a infraestrutura, mas as atrações são todos nós.
  2. Imediatismo: esteja presente no momento e valorize o presente.

O Templo do Burning Man

O Templo, outra das sempre presentes e mais importantes esculturas do Burning Man

O Templo, escultura sempre presente e uma das mais importantes do Burning Man. Foto: Vanessa Ikemori.

Todas as obras de arte do evento são queimadas, começando na sexta-feira à noite. A queima do Templo ocorre no domingo à noite e serve como último grande evento do Burning Man.

É um lugar de energia muito forte e bem emocionante. Chorei muito em todas as minhas visitas, a ponto de ter de sair para me recompor. Muitas pessoas deixam fotos ou escrevem nas paredes os nomes de parentes, familiares e amigos que faleceram, ou de parceiros em relacionamentos que não deram certo, para que vão embora com as chamas em um ritual para encontrar um ponto final.

Não fiquei para ver a queima desta vez, mas na próxima, com certeza… o que deve acontecer já este ano!

O Man

A celebração do Man antes da queima

A celebração do Man antes da queima. Foto: Vanessa Ikemori.

O Man é um boneco gigante de madeira, queimado no penúltimo dia. Mesmo não sendo o último evento, sua queima divide com o Templo a fama de ser um dos mais importantes acontecimentos do Burning Man, justamente por dar nome ao evento e ser uma das principais e maiores esculturas em toda a cidade.

Não existe uma explicação oficial da organização sobre o porquê da queima do Man e das outras esculturas, mas o mais comum é dizerem ser uma forma de representar catarse e o desapego das coisas que não fazem bem a você ou que atrapalham a sua evolução.

O Man já queimado, pouco antes de cair. Foto: Vanessa Ikemori

O Man já queimado, pouco antes de cair. Foto: Vanessa Ikemori.

Acompanhe esta série especial todas as segundas deste mês e conheça as dicas práticas da Vanessa para você que também quer passar por essa experiência incrível! Você pode assinar o blog para facilitar sua vida e ser avisado assim que publicamos cada um dos nossos posts 😉


Continue lendo a série sobre o Burning Man

Compartilhe!
  • 17
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  

Curtiu? Deu vontade de viajar? Planeje sua viagem com a gente!

Reserve seu hotel no Booking.com! São milhares de hotéis com cancelamento gratuito.
A Rentcars.com compara várias locadoras de carros, cobra em Reais e parcela em 12 vezes!
Ganhe 5% de desconto com o código COISOS5 ao comprar seguro viagem na Seguros Promo.
Você precisa de Internet quando viaja! A EasySim4u oferece voz e dados em mais de 140 países.

Todos os parceiros são escolhidos com cuidado para que você sempre consiga o melhor preço! Além disso, quando você usa nossos links e afiliados, recebemos uma pequena comissão que nos ajuda a manter o blog e o melhor é que você não paga nada a mais por isso.

Quer ficar sempre por dentro das nossas novidades? Assine o blog!

Os Coisos me chamam de “Van Van”, mas tem gente que me chama de Van, Nessa, Nusa… Meu nome é Vanessa e sempre gostei de música. Quando não tinha internet (olha como sou velha), comprava revista importada sobre música, acho que minha curiosidade por shows e festivais veio daí, cresci lendo e sonhando em frequentá-los. Cada um que consigo ir é um sonho que se torna realidade e que vou compartilhar aqui.

O blog tem mais vida quando você participa. Deixe seu comentário!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Siga-nos no Instagram

  • Virei a louca do stop motion nessa viagem para Buenos Aires (quem acompanhou os stories, já percebeu 😊) Este nós fizemos pelas ruas de Palermo, um dos meus bairros preferidos em #BsAs, cheio de arte de rua, lojinhas e restaurantes diferentes!  Enquanto as dicas não saem no blog, fiquem com nossa obra de arte. 😂 .
.
.
#coisosembuenosaires #buenosaires #travelbuenosaires #visitargentina
  • Descabelados em Buenos Aires 😂 (mas com essa vista da cidade, ninguém liga)  Obs.: Você sabe que tá imersa na viagem quando seu teclado já sugere palavras no idioma local  Continue com os Coisos nos stories, tá acabando mais ainda tem! 
#coisosembuenosaires #travelbuenosaires
#buenosaires
  • Ó, vale muito a pena conhecer o Jardim Japonês de Buenos Aires. Além de lindos  espaços fotogênicos, você pode aproveitar e fazer um super passeio pela região!  Combine o Jardim com o Rosedal, o Malba, um almoço no @nolabuenosaires e passeios pelos grafites e lojinhas de Palermo. ❤️ .  De noite, ainda dá para beber algo nos muitos bares da região, jantar um lamen (onde estamos agora) e partir para um fliperama secreto (nosso próximo passo, se acharmos a entrada)! Tá tudo no Stories! Vem com a gente!  #coisosembuenosaires #travelbuenosaires #visitargentina

Tem muito mais por lá!

Fazemos parte

Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem  Associação Brasileira de Blogs de Viagem