Caminho do queijo paulista: inovação e sabor no interior de SP!

   |        |     Atualizado em 25 de fevereiro de 2019

A jovem indústria queijeira do interior de SP criou o Caminho do Queijo Artesanal Paulista, iniciativa que reúne alguns dos mais premiados queijos do país! Confira os produtores e sugestões de roteiro para aproveitar o Caminho do Queijo Paulista.

Caminho do queijo artesanal paulista: a Fazenda Atalaia produz queijos que passam até 24 meses em maturação

Uma das câmara de maturação da Fazenda Atalaia, onde os queijos passam até 24 meses.

Caminho do queijo artesanal paulista

Muita gente ainda pensa que queijo bom precisa ser importado ou de MG. Pois esse pessoal não conhece o grande trabalho que as queijarias paulistas estão fazendo!

A falta de tradição queijeira no estado tem sido uma faca de dois gumes: por um lado, dificulta o reconhecimento no mercado, mas por outro, liberta as queijarias para que inovem e façam o melhor queijo possível, sem terem que seguir métodos desnecessariamente arcaicos ou rígidas receitas.

Para resolver o lado negativo da questão, nove produtores queijeiros do estado participam do Caminho do queijo paulista, uma inciativa para difundir e valorizar o queijo produzido em SP. Conheça todos no mapa abaixo.

Vamos apresentar todos eles para você e falar sobre o que cada um oferece, entre lojas, visitas guiadas, restaurantes e passeios. Além disso, você encontra sugestões de roteiro no final do post para um fim de semana repleto de lactose! 🙂

Caminho do queijo artesanal paulista: a comida servida no restaurante da Fazenda Santa Luzia é feita no forno a lenha

O restaurante da Fazenda Santa Luzia prepara as refeições no forno a lenha.

Leiteria Santa Paula

Vacas alimentadas com pasto, sem hormônios, da maneira mais natural possível produzem o leite que serve de base para diversas receitas. Entre elas, a estrela da casa: o queijo Fermier, bolinhas cremosas imersas em azeite, uma delícia!

/LeiteriaSantaPaula

Loja e café da manhã: de segunda a sexta, das 7h às 17h. Sábado, das 7h às 12h.

Rod. Dep. Eduardo Vicente Nasser, São José do Rio Pardo.

Laticínio artesanal Montezuma

Especializada em leite de búfala, a fazenda produz 24 tipos de queijo, além de manteiga e doce de leite. Assim como todas as queijarias da lista, o leite para a fabricação do queijo vem da própria fazenda ou de produtores vizinhos.

/EmporioMontezuma

Loja e café da manhã: todos os dias, das 9h às 16h.

Estr. Serra da Paulista, s/n, km 9, Zona Rural, São João da Boa Vista.

Fazenda Atalaia

Responsável por um dos queijos artesanais mais famosos do Brasil, o Tulha, a fazenda histórica está aberta todos os dias para a livre visitação e a compra dos seus queijos, mas também oferece passeios guiados e um café da manhã caprichado aos finais de semana.

Caminho do queijo artesanal paulista: as visitas guiadas da Fazenda Atalaia incluem as salas de estocagem e maturação

A visita guiada inclui uma passagem pelos pastos e pelas câmaras de fabricação e maturação dos queijos. Muitas das instalações são centenárias, então a visita apresenta também curiosidades sobre a rica história da fazenda.

Caminho do queijo artesanal paulista: nas visitas guiadas da Fazenda Atalaia, você conhece também a sala onde é fabricado o queijo

Fizemos a visita guiada e adoramos conversar com os Paulos (pai e filho) e a Rosana sobre o dia a dia da fazenda e da produção dos queijos. A paixão pela história da fazenda e pelo trabalho que realizam está estampada no rosto de cada um.

/FazendaAtalaia

Loja e visitação da fazenda: todos os dias, das 8h às 17h.
Cafe da manhã: sábados, domingos e feriados, das 9h às 12h.
Visitas guiadas: sábados, domingos e feriados, às 10h e às 15h.

Rodovia SP 352, km 137,3, Amparo.

Capril do Bosque

Especializada em queijos de cabra, a fazenda oferece 13 dos melhores queijos de cabra do Brasil, entre eles o único queijo azul de cabra do Brasil. Nos finais de semana e feriados tem visitas guiadas, passeios e restaurante no local.

/CaprilDoBosque

Loja: todos os dias, das 10h às 17h.
Restaurante e passeios: sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h.

Estrada da Terra Preta, km 3, Terra Preta, Joanópolis.

Pé do Morro

Opção mais próxima da capital, a Pé do Morro combina técnicas estrangeiras e mineiras para criar queijos com muita personalidade, como o Piá, uma das estrelas da casa. A fazenda ainda produz outras iguarias, como o vinho artesanal.

/PeDoMorro_Japi

Loja e café da manhã/tarde: sábado, domingo e feriados, das 11h às 17h.
Visitas guiadas pela produção: necessário agendar.

Estrada Pé do Morro, s/n, Pé do Morro, Cabreúva.

Queijaria Rima

Especializada em queijo de ovelha, a Rima também produz iogurte, coalhada e doce de leite, tudo sem conservantes. Entre os queijos, fabricam desde uma versão do francês Boursin e outros queijos mais frescos até o Porto Feliz, maturado inspirado no Peccorino italiano.

/QueijariaRima

Loja: de segunda a sexta, das 9h às 16h. Sábado e domingo, necessário agendar.

Estrada Municipal para o bairro Caiacatinga, 13, Porto Feliz.

Fazenda Santa Luzia

Ao chegar na fazenda, você logo avista a lojinha à esquerda, o bistrô à direita e algumas grandes mesas comunitárias no melhor estilo casa de fazenda.

Caminho do queijo artesanal paulista: tábua de degustação dos queijos da Fazenda Santa Luzia

Caminho do queijo artesanal paulista: tábua de degustação dos queijos da Fazenda Santa Luzia.

São 18 tipos de queijo, vários deles premiados (as paredes da loja quase não têm mais espaço para tanto prêmio), criados pela mestre-queijeira Maristela Breuer, que teve de aguentar muito europeu arrogante durante seu aprendizado queijeiro.

Entre as delícias que provamos, o mais inesperado foi o minas frescal com iogurte… eu simplesmente não imaginava que fosse possível fazer algo novo com um minas frescal. Provem, é uma delícia!

Caminho do queijo artesanal paulista: queijos da Fazenda Santa Luzia maturando nas caves da fazenda

Caminho do queijo artesanal paulista: queijos da Fazenda Santa Luzia maturando nas caves da fazenda.

Mais uma vez encontramos pessoas apaixonadas pelo que fazem. Passamos o dia todo conversando com o casal Maristela e Martin sobre a fazenda, a produção de queijo de SP, a organização do Caminho do queijo paulista e tudo mais que você imagine possível, de aulas de alemão à fabricação de refrigerante caseiro. 🙂

/Queijo_Com_Arte

Loja: de segunda a sexta, das 8h às 17h. Sábado, das 8h às 20h.
Bistrô: sábado, das 8h às 20h.

Av. Comendador Serafino Fileppo, s/n, Itapetininga.

Pardinho artesanal

Décadas na criação de gado levaram a Fazenda Sant’Anna à produção queijeira. Além de algumas novidades sazonais, quatro receitas fixas estão sempre à disposição, sendo o Cuesta, curado por oito meses, o grande destaque da fazenda.

/PardinhoArtesanal

Loja: sexta, das 14h às 17h, necessário agendar até quarta-feira.

Estrada Municipal Constantino Pauletti, km 6,5, Pardinho.

Queijaria Bela Fazenda

Mais uma queijaria comandada por uma mulher e a mais recente participante do Caminho do queijo paulista! Oferece queijos mais frescos, com maturação de apenas 60 dias, até peças que passam um ano inteiro se preparando para nosso deleite.

/QueijariaBelaFazenda

Loja: terças e quintas, das 10h às 17h, necessário agendar.

Estrada municipal de Bofete, s/n, Bofete.

Caminho do queijo artesanal paulista: além das visitas guiadas, a Fazenda Atalaia também oferece aos visitante um belo café da manhã

Além de lojas e visitas guiadas, muitas das fazendas oferecem refeições completas. Este é o café da manhã da Fazenda Atalaia.

Sugestões de roteiro no Caminho do queijo paulista

Incluímos no mapa abaixo duas sugestões de roteiro para um final de semana queijeiro pelo interior de SP. Em ambos, você sairia de São Paulo na manhã de sábado e visitaria até duas queijarias por dia.

Vale lembrar que embora seja perfeitamente possível visitar duas fazendas no mesmo dia, você pode acabar se divertindo tanto em uma delas que pode ficar sem tempo de visitar uma outra no mesmo dia.

Deixamos de fora dos roteiros, por enquanto, as queijarias Pardinho Artesanal e Bela Fazenda apenas devido aos horários mais restritos de visita. Ah, e a ordem dos roteiros abaixo é importante, porque leva em conta os horários de cada fazenda!

Roteiro norte

  • Sábado: Leiteria Santa Paula e Laticínio Montezuma
  • Domingo: Fazenda Atalaia e Capril do Bosque

Roteiro Oeste

  • Sábado: Fazenda Santa Luzia
  • Domingo: Queijaria Rima (necessário agendar) e Pé do Morro


E você, já visitou uma queijaria artesanal? Alguma do Caminho do queijo artesanal paulista? Conta pra gente. Ainda não conseguimos ir em todas e queremos sugestões de qual visitar em seguida!

Caminho do queijo artesanal paulista - Conheça os produtores que estão revolucionando a arte queijeira de SP
Compartilhe!
  • 28
  • 78
  •  
  •  
  •  
  •  

Curtiu? Deu vontade de viajar? Planeje sua viagem com a gente!

Reserve seu hotel no Booking.com! São milhares de hotéis com cancelamento gratuito.
A Rentcars.com compara várias locadoras de carros, cobra em Reais e parcela em 12 vezes!
Ganhe 5% de desconto com o código COISOS5 ao comprar seguro viagem na Seguros Promo.
Você precisa de Internet quando viaja! A EasySim4u oferece voz e dados em mais de 140 países.

Todos os parceiros são escolhidos com cuidado para que você sempre consiga o melhor preço! Além disso, quando você usa nossos links e afiliados, recebemos uma pequena comissão que nos ajuda a manter o blog e o melhor é que você não paga nada a mais por isso.

Quer ficar sempre por dentro das nossas novidades? Assine o blog!

Sou tradutor já há quase dez anos e represento a parte chata do blog: o revisor que tira o excesso de piadinhas do texto, o técnico que diz que agora é impossível realizar aquela ideia que parece genial, o designer que não quer ter cor demais e que corta as fotos na proporção exata, pixel a pixel. Ainda assim, adoro viajar!

O blog tem mais vida quando você participa. Deixe seu comentário!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Siga-nos no Instagram

  • Bem-vindo, outono com a vez que subimos na cabeça de uma estátua... Que é uma cabeça 😁  Esse parque de esculturas fica na #taconicparkway, uma estrada cênica no estado de Nova York.  Eu sei que alugar carro em Nova York é furada, mas sair de Manhattan e conhecer um pouco mais do estado vale o esforço! 
Passeio altamente recomendado e tem tudo explicadinho no blog 👀 .
.
.
.
#coisosonthego #nyc #novayork
  • Comida escadinava em SP? Sim! 😋  Se você quer provar novos sabores, o @o.escandinavo é a pedida certa com uma cozinha ainda pouco conhecida aqui e um cardápio inédito a cada 15 dias!  Influenciado pela cultura nórdica, tanto culinária (com ingredientes vindo de lá) quanto do design (a mesa comunitária é linda), o restaurante oferece pratos bem diferentes daquilo a que estamos acostumados. Vai lá provar!  E se você já conhece, como eu disse, a chef Denise está sempre mudando o cardápio, então já dá para voltar!
.
.
.  @o.escandinavo 
Aberto de quinta a domingo
Rua Deputado Lacerda Franco, 141 - Pinheiros .
.
.
#coisosonthego #vemproescandinavo #sp #nordico #gastronomiasp
  • Às vezes, a gente torce um pouco o nariz pra Campos do Jordão, mas depois de muuuuitos anos sem vir, estamos descobrindo que, cada vez mais, quem visita a cidade vai muito além de Capivari, e isso é ótimo! 
Entre as atrações fora do eixo padrão, estão um mosteiro de monjas beneditinas, museu de esculturas ao ar livre com um enorme e lindo auditório e muito mais!  Você ainda encontra a Casa da Xilogravura, minigolfe e essa capela de concreto e vidro projetada por Paulo Mendes da Rocha.  E tudo bem ir na parte turistona também para comer chocolate, pastel, fondue... comer é bom demais. 😁
.
.
.  #camposdojordão #coisosonthego #mtur #sp #arquitetura #viagem #carnavalsp #camposdojordao #skyscannerbrasil

Tem muito mais por lá!

Fazemos parte

Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem  Associação Brasileira de Blogs de Viagem